homem sentado na maca conversando com o médico

Exames para identificar o câncer de próstata

Não fique “no escuro”: conheça os sintomas e os melhores tratamentos para o câncer de próstata. Seu preconceito pode custar a sua saúde!

Já dissemos por aqui que o câncer de próstata é o segundo tipo de câncer mais comum entre homens brasileiros, de acordo com o Instituto Nacional do Câncer (INCA).

Pensando nessas condições, devemos exaltar a importância de campanhas como o Novembro Azul, que visa conscientizar não só pelo câncer de próstata, como também pela saúde masculina de forma íntegra.

Portadores de câncer podem ter desfechos muito mais felizes se conseguem se antever à doença e tratarem-na desde o princípio. Nesse sentido, é importante que o homem tenha consciência de seu bem-estar e do impacto que visitas regulares ao médico causam em sua saúde. 

O que é o câncer de próstata?

câncer de próstata

 

Próstata é uma glândula localizada abaixo da bexiga e à frente do reto. Sua função é produzir nutrientes e fluidos que constituem o esperma. Por dentro dela passa a uretra - o canal por onde sai o xixi.

Apesar do estigma, o câncer de próstata é uma doença cuja cura é relativamente simples e tem grandes chances - especialmente se a doença for descoberta no princípio. 

Não existe um único lugar para o câncer se alojar na próstata, porém, quando este aumenta de tamanho, pode invadir outros tecidos e vesículas ao redor - bem como cair na corrente sanguínea e se espalhar para outros órgãos.

Sintomas do câncer de próstata

homem com dor na região pélvica

 

Ao iniciar, a doença pode ser bastante silenciosa, por isso é muito importante o acompanhamento regular com o médico. Em contrapartida, quando o problema ganha força, o homem pode apresentar os seguintes sintomas:

  • Ardência ao urinar;
  • Jato urinário fraco e recorrente;
  • Hiperplasia de próstata (que é a próstata aumentada);
  • E, raramente, dor e sangue na urina e no esperma.

Exames para detectar o câncer de próstata

Antes de tudo: esqueça essa coisa de que exame de próstata define sexualidade. Homem que é homem, cuida de si para poder cuidar dos demais que dependem dele. 

Uma visão muito distorcida sobre o problema pode fazer com o que o paciente adie suas visitas ao médico e prejudique um possível diagnóstico precoce e tratamento.

Os exames que identificam o câncer de próstata podem ser feitos por urologistas ou proctologistas. O urologista é especialista no trato urinário de homens e mulheres, bem como do sistema reprodutor masculino. O proctologista, por sua vez, é responsável por tratar doenças do intestino grosso, reto e ânus.

Os principais exames para detectar o câncer de próstata são:

PSA (exame de sangue)

exame de sangue

 

O PSA é um hormônio que auxilia na descoberta do câncer quando identificado em taxas anormais (maiores do que 4ng/ml). Quando este valor está aumentado, pode ser um início de câncer de próstata ou inflamação da glândula.

Exame de toque retal

exame de próstata

 

Este é o exame que causa mais medo e embaraço entre os homens, porém, é de extrema importância e dura apenas 1 minuto. É geralmente feito por um urologista, mas pode ser executado por um procto também. 

O especialista verifica o tamanho da próstata pelo toque através do reto. Em caso de inflamação, ela pode ficar maior e mais dura.

Ultrassom

ultrassom câncer de próstata

 

O exame de imagem é indicado quando o de toque e o PSA apresentaram alguma alteração. Ele mostra possíveis mudanças no tamanho da próstata; e pode ser feito via transretal e abdominal.

Medição do jato de urina

Médica mostrando exames ao paciente homem

 

Também conhecido como fluxometria, este exame, não invasivo, avalia o fluxo urinário, a força e a quantidade do jato de urina.

Quando há alterações na próstata, o jato fica mais fraco e lento.

Resultados dos exames de câncer na próstata

médico falando com paciente homem

 

O aumento da glândula nem sempre sinaliza câncer na região. Na maioria dos casos, isso faz parte do processo de envelhecimento - a chamada hiperplasia da próstata. 

Ainda que seja uma condição normal, não é indicado descartar os exames periódicos e as visitas regulares ao médico, tendo em vista que é o acompanhamento que faz a prevenção. 

Caso o paciente tenha qualquer dúvida a respeito dos exames, recomendamos discutir diretamente com o médico.

Quem deve fazer os exames?

casal com mais de 50 anos

 

Todos os homens acima de 50 anos. Para quem possui histórico familiar da doença, é recomendado que faça a partir dos 40 anos. Nos casos em que o homem já tenha tido câncer de próstata ou hiperplasia benigna, indica-se que o paciente o faça todo ano. 

É vencendo o preconceito que se vence o câncer!




Fontes:


CEU Diagnósticos


Exame - Imagem e laboratório


MAGSCAN

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.